Seja bem vindo ao nosso site Rádio Difusora - Bagé RS!

Geral

Projeto de mineração da Votorantim é criticado em Comissão da Assembleia

Publicada em 20/04/17 às 23:44hRádio Difusora - Bagé RS

Link da Notícia:
Compartilhe
   

Projeto de mineração da Votorantim é criticado em Comissão da Assembleia
 (Foto: Raquel Wunsch)
Com o Teatro Dante Barone lotado, a Votorantim Metais apresentou na manhã desta quarta-feira (19) o projeto Caçapava, que prevê a instalação de três cavas a céu aberto para a mineração de zinco, cobre e chumbo na região das Guaritas, às margens do Rio Camaquã. O coordenador de projetos da empresa, Paul Cézanne, sustentou que o empreendimento significa um investimento total de R$ 550 milhões, tem uma vida útil de 20 anos e deve gerar 450 empregos diretos, devendo iniciar as operações em 2020. O projeto está em análise na Fepam, que deve concluir o trabalho de licenciamento até o primeiro trimestre de 2018.

 Cerca de 500 pessoas estiveram na audiência, entre representações dos municípios atingidos pelo projeto, entidades ambientais, prefeitos, vereadores e outras autoridades públicas. A proposta de realização do encontro foi do deputado Luiz Fernando Mainardi (PT). Participaram dos debates, que se prolongou até às 14h30min, além das entidades convidadas, 18 deputados, dentre os quais o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Edegar Pretto.

Primeiro a falar, Mainardi posicionou-se contrário ao empreendimento. Para ele, o projeto não traz o desenvolvimento propagandeado e gera uma situação de risco ambiental inadmissível. Segundo o parlamentar, existem experiências que demonstram que a mineração de metais pesados, como o chumbo, é danosa para a saúde das pessoas e para o meio ambiente. O deputado salientou, também, que a contaminação por chumbo é extremamente agressiva e pode acontecer até mesmo pelos resíduos que sobram no ar.

Ao se pronunciar, o presidente da Assembleia Legislativa, Edegar Pretto defendeu que o Parlamento tem a obrigação de acolher todos os pontos de vistas, mas se declarou contrário à mina. Para ele, que esteve recentemente em ato realizado às margens do Rio Camaquã, na localidade de Palmas, em Bagé, a proposta da Votorantim traz repercussões negativas para o bioma Pampa e suas características geográficas e econômicas.

 O representante da Associação para o Desenvolvimento do Alto Camaquã (ADAC) e funcionário da Embrapa, o veterinário Marcos Borba, contrapôs os argumentos de que os projetos de mineração são um bom caminho para o desenvolvimento da região. Segundo ele, o arranjo produtivo local desenvolvido pela ADAC, que prevê a produção sustentável de ovinos, entre outros produtos, tem um potencial muito maior de geração de renda, além de ser menos concentrador.

 Na mesma linha, o membro da União Para a Preservação do Camaquã (UPP), Marco Blanco, disse que o projeto da Votorantim é "um rato na cozinha". Ele lembrou que os moradores da região lutam há 10 anos para a conquista de um selo de origem para a produção do Alto Camaquã e contam com o apoio da Embrapa para os projetos de produção sustentável da agricultura e pecuária familiar. 

 O biólogo e professor da UFRGS, Paulo Brack, reforçou os argumentos contrário ao projeto. Segundo ele, existem cerca de 69 áreas de nascentes do Rio Camaquã no local do possível empreendimento e centenas de espécies de plantas ornamentais, além de 60 espécies de frutas nativas que podem ser extintas ou comprometidas caso o projeto seja desenvolvido.

 O presidente da Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, deputado Altemir Torteli, que dirigiu a reunião, disse que a discussão vai ter continuidade, com visitas a outras experiências similares, reuniões com a Fepam, que embora convidada não compareceu à audiência, e novas audiências da Comissão.



ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:









-
Anuncio do site Rádio Difusora - Bagé RS
Anuncio do site Rádio Difusora - Bagé RS
Anuncio do site Rádio Difusora - Bagé RS
Anuncio do site Rádio Difusora - Bagé RS
Anuncio do site Rádio Difusora - Bagé RS
Fan Page
Contatos: (53) 3242 6471 - (53) 3241 2069 - WhatsApp: (53) 9 9901 8258
Copyright (c) 2022 - Rádio Difusora - Bagé RS - Todos os direitos reservados
Rádio Difusora - Bagé RS
Converse conosco pelo Whatsapp!
site, tv, videos, video, radio online, radio, radio ao vivo, internet radio, webradio, online radio, ao vivo, musica, shows, top 10, music, entretenimento, lazer, áudio, rádio, música, promocoes, canais, noticias, Streaming, Enquetes, Noticias,mp3,Blog, Eventos, Propaganda, Anuncie, Computador, Diversão e Arte, Internet, Jogos, Rádios e TVs, Tempo e Trânsito, Últimas Notícias, informação, notícia, cultura, entretenimento, lazer, opinião, análise, jogos, Bandas, Banda, Novos Talentos, televisão, arte, som, áudio, rádio, Música, música, Rádio E TV, Propaganda, Entretenimento, Webradio, CD